Seguir por Email

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

PARTICIPAÇÃO DE NOSSOS ALUNOS NO SEMINÁRIO NEPSO

Agradecemos a participação de nossos alunos: Matheus, Everton, João Pedro, Singrid, Thaymara, Carolina Ximenes e Wellerson, que infelizmente não conseguiu apresentar o trabalho em Rio Bonito, mas participou ativamente da sua confecção. Voces representaram muito bem o nosso PEJA nesse Seminário, tiveram coragem para falar em público e com certeza levaram uma bagagem muito importante para suas vidas acadêmicas. Vocês são vencedores!!!





















EM 2013 NÃO TEREMOS MAIS O PEJA EM NOSSA ESCOLA, QUE PASSARÁ A TURNO ÚNICO, ENTRETANTO PODEMOS DIZER QUE TODA EQUIPE SE SENTE FELIZ EM PODER TER FEITO A DIFERENÇA NA VIDA DE TODOS OS NOSSOS ALUNOS! FORAM MUITAS HISTÓRIAS E APRENDIZADOS, ONDE TANTO ALUNOS COMO PROFESSORES PUDERAM ACRESCENTAR MUITO CONHECIMENTO  E VIVÊNCIAS EM SUA BAGAGEM.

OBRIGADO PEJA!!!!


POSTADO POR JONATAS JOSÉ SILVA

I Seminário de Pesquisas Educativas e Intercâmbio de Projetos Nepso Polo Rio de Janeiro

Desde 2010, o CEDAPS estabeleceu parceria com o Instituto Paulo Montenegro e com a Ong Ação Educativa para que fosse possível a implementação do projeto Nossa Escola Pesquisa Sua Opinião – NEPSO. Ele vem sendo aplicado no Brasil e outros países desde 2000 e trata-se de um programa que utiliza pesquisa de opinião como instrumento pedagógico para o aprimoramento das ações nas escolas.

Através de atividades pedagógicas centradas em professores e alunos, envolvendo a comunidade escolar e favorecendo o protagonismo, o aluno acaba sendo autor do seu próprio aprendizado. O NEPSO possibilita que todos os envolvidos se envolvam no processo de construção do conhecimento sobre determinado tema, utiliza pesquisas já existentes, hipóteses investigativas, e aplicação e análise de fontes primárias a partir das pesquisas de opinião realizadas.

Atualmente, o projeto conta com a participação de nove professores: oito do município de Rio Bonito e um da comunidade Cidade de Deus (PEJA), no município do Rio de Janeiro.
Escolas e temas:
  • E.M. Cândido Soares – professora Fabiana Ronzani – Tema: Qualidade de merenda escolar;
  • E.M. Cândido Soares – professora Fabrícia Ronzani – Tema: Identidade;
  • E.M. Francisco Alves Mendonça – professora Flavia da Silva – Tema: Higiene corporal;
  • E.M. Kingston Motta – professora Jane Cardoso – Tema: Higiene corporal;
  • E.M. Serra do Sambê – professora Mônica dos Santos – Tema: Cuidado com os animais;
  • E.M. Serra do Sambê – professora Sandrele de Azevedo – Tema: Saúde- UPA em nossa cidade;
  • E.M. Jaudet Curi – professora Viviane Ventura – Tema: Os animais;
  • Centro Municipal de Educação de Rio Bonito – professora Carla da Silva – Tema: Obesidade;
  • E.M. Alberto Rangel (PEJA) – professor Jonatas Silva – Tema: Uso da água – Sustentabilidade.








 POSTADO POR JONATAS JOSÉ SILVA

terça-feira, 20 de novembro de 2012

DESENVOLVENDO O PROJETO..


Questionário com perguntas elaboradas por nossos alunos.



ANALISANDO OS RESULTADOS
MONTANDO GRÁFICOS E TRABALHANDO CONCEITOS MATEMÁTICOS




POSTADO POR JONATAS JOSÉ SILVA

CONVERSANDO SOBRE O NEPSO

No dia 02 de Outubro recebemos a visita da representante do NEPSO, Luiza Matheus. Ela gentilmente conversou com nossos alunos, tirando todas as dúvidas do projeto e reinterou o convite para a ida a Rio Bonito. Nossos jovens ficaram bem animados com o passeio!







POSTADO POR JONATAS JOSÉ SILVA

PROJETO NEPSO E PEJA

O programa Nossa Escola Pesquisa Sua Opinião (Nepso) consiste na disseminação do uso da pesquisa de opinião como instrumento pedagógico em escolas públicas de ensino regular fundamental e médio e em cursos de Educação de Jovens e Adultos (EJA). É fruto da parceria entre o Instituto Paulo Montenegro – instituição sem fins lucrativos vinculada ao IBOPE – e a ONG Ação Educativa. Ano passado nossos alunos desenvolveram pesquisa sobre o tema preconceito religioso.


Esse ano o tema escolhido para desenvolvimento do Projeto Nossa Escola Pesquisa Sua Opinião (NEPSO) foi a utilização dos recursos hídricos e sua sustentabilidade. Ao longo do ano foram desenvolvidas diversas atividades voltadas para a questão dos recursos hídricos. No dia 30 de Novembro nossos alunos apresentarão o resultado daquilo que aprenderam, em um grande encontro (I Seminário de Pesquisas Educativas e Intercâmbio de Projetos NEPSO do Polo do Rio de Janeiro), com a participação de diversas escolas, em Rio Bonito (RJ).

POSTADO POR JONATAS JOSÉ SILVA

ReciclArte

Uma caixa de pizza, muita criatividade e de repente..







POSTADO POR JONATAS JOSÉ SILVA

Festa Literária Internacional das Upps (Flupp)

Observando a cidade e a paisagem urbana.
Poetas declamam textos, autores discutem idéias, artistas fazem intervenções ao ar livre e telões reproduzem a arte em suas diferentes formas. Essa cena seria comum se não fosse o seu palco: o Morro dos Prazeres, no bairro carioca de Santa Teresa. Com a proposta de levar reflexões sobre arte, música e literatura aos morros, aconteceu (07 a 11 de Novembro) a primeira Festa Literária Internacional das Upps (Flupp).





A abertura da Orquestra de Vozes Meninos do Rio - composta por cerca de mil alunos da rede pública de ensino do Rio de Janeiro -, seguida por uma palestra do dramaturgo Ariano Suassuna, já representa um pouco a mescla cultural que conduziu o evento. Além de Suassuna, outros nomes de peso subiram o Morro dos Prazeres, como os brasileiros Ferreira Gullar, João Ubaldo Ribeiro, Ana Maria Machado e Luiz Ruffato. Entre os estrangeiros estavam o alemão Thomas Brussig, o palestino Najwan Darwish e o quadrinista francês Étienne Lécroart. 






"O evento é interculturalista, tanto em termos de países, regiões, etnias, gêneros, dicções, etc., como também na convivência entre o analógico e o digital", observa o curador Toni Marques. Além de shows de MV Bill e MC Swat - rapper de Bengazi cujas canções embalaram a revolução líbia durante a Primavera Árabe -, a festa terá discussões fomentadas por escritores periféricos como o brasileiro Allan da Rosa e o jamaicano Kei Miller. Enquanto Allan é ativo no circuito de saraus nas periferias de São Paulo, o poeta e performer Kei aparece como uma importante voz artística do Caribe. 




Nosso aluno, Matheus, dando sua opinião sobre o evento..

Nossos alunos do PEJA estiveram lá! Valew Peja!!!

POSTADO POR JONATAS JOSÉ SILVA